12
Fev 10

Coração de Mãe....Sofre !

Hoje foi o dia do desfile das escolinhas pela cidade.

Pela manha mal chegámos à escolinha , o meu puto viu o autocarro que o iria levar à cidade para desfilar já mascarado e começou logo em negação: "não quero ir, não...Depois na despedida uma fita como à muito não fazia, nem queria lá ficar, bastou ver os colegas já mascarados de pinguim.A custo lá o deixei a choramingar.

Segui depois o autocarro até que parou depois ao pé da Sé e ainda estive a observar ao longe , para ele não me ver, mas algumas mães começaram a acompanhar os seus filhos e eu fui atrás também sempre sem ele me ver. Chegámos depois à praça que já estava cheia com outras escolinhas. Havia crianças a chorar, outras caladas, sem achar grande piada à brincadeira, eu estava perto do meu filho mas ele nem me via, estava tão triste, não chorava mas estava nitidamente aflito, então resolvi chegar-me a ele, e quando se virou e me viu e eu vi aqueles olhinhos a brilhar de felicidade por me ver e me abraçar...não aguentei e até chorei.Não sei dizer quem estava mais aflito, ou quem ficou mais contente, sei que já não me largou mais e acabei por andar também a desfilar de mão dada com ele pela cidade, e ele apesar do frio que fazia estava com uma carinha bem mais contente.Custa tanto saber que o nosso filho está a sofrer ou está  triste...Depois lá voltou para a escolinha novamente de autocarro e eu vim trabalhar, mas ainda com o coração apertadinho, cheia de vontade de o ir buscar e lhe dar miminhos.

O meu filho sai aos pais, tal como nós não acha o carnaval nada engraçado.

publicado por Brisa do Mar às 12:50 | comentar | ver comentários (2) | favorito
30
Nov 09

Rrrrrrrrrrraiva!

Hoje o dia está difícil...

 

Ter que trabalhar à  2ª já me custa , mas sabendo que amanha é feriado e não pude fazer ponte ainda custa mais...

 

Na sexta passada lá fui conhecer a bebé, é muito querida e a cara chapada do paizinho...Peguei nela e o meu puto não mostrou ciúmes, antes pelo contrário, estava todo contente e até lhe fez festinhas e deu beijinhos, só dizia : "é tão quida!"...

 

O marido,  que devia ter vindo ainda não chegou, tem  trabalho atrasado e  ainda não sabe quando vem...

 

Amanha a minha mãe faz anos e não posso estar com ela...

 

A juntar a tudo isto acordei com uma neura quem nem me aguento...

 

 

 Sentimento estranho este, sentir raiva e não saber de quê!!!

 

publicado por Brisa do Mar às 13:17 | comentar | ver comentários (2) | favorito
sinto-me:
22
Set 09

Eu...

Tenho pensado muito no que mudei com o passar dos anos, a pessoa que era e a pessoa que sou.Não posso dizer que sou a mesma .

 

Era muito extrovertida ,sociável, amiga de farras e sempre pronta para a diversão, sempre ansiosa de conhecer novos locais , pessoas, nunca gostei de me sentir presa a nada e a ninguém, liberdade com responsabilidade.

 

Hoje já não sou assim, cada vez me isolo mais, convivo o menos possível com os outros , ás vezes aquela reuniões familiares parecem-me eternas, cada vez tenho menos paciência para os outros , só de lhes ver as caras já me enervo...Sinto-me presa dentro da minha rotina diária e tenho pensado muitas vezes até que se pudesse pegava na casa e mudava para uma cidade ou para um país onde não conhecesse ninguém, onde se começasse do zero, onde pudesse desanuviar as ideias sem ter que esbarrar com pessoas hipócritas e falsas que nos rodeiam , das quais não me consigo afastar  por serem família directa ou por viverem demasiado perto.

 

A idade abriu-me os olhos , mas também revelou o lado mais frio de mim, alterou a minha maneira de me relacionar com os outros,  fiquei menos tolerante o que fez com que me fechasse sempre quando me sentia ferida...Em contrapartida quando nasceu o meu filho tornei-me mais ansiosa, mais cuidadosa,  e ainda mais radical no que diz respeito a ele. Depois da obsessão pela higiene e limpeza à volta do garoto, agora é a obsessão pela segurança dele...

 

Tenho saudades da outra "eu", mais animada, mais de bem com a vida. Alguns dias consigo, outros não...

publicado por Brisa do Mar às 13:21 | comentar | ver comentários (6) | favorito
sinto-me: assim assim
08
Set 09

Deixa-me triste....

Noticias de acidentes de viação como o que aconteceu de madrugada em Albufeira deixam-me sempre com aquele terrível medo de perder aqueles que amo. Ainda mais quando se trata de gente jovem com o mundo à espera de ser descoberto e toda uma vida para ser vivida...

 

Imagino a dor daqueles pais que perdem assim tão violentamente os filhos...

 

Agora que também já sou mãe consigo entender  a preocupação da minha mãe   quando eu  saía de casa até altas horas da madrugada e quando voltava muitas vezes ela ainda estava acordada! Na altura pensava que era para me controlar ,mas agora sei que ela me esperava só para saber que chegava bem...O meu filho ainda é pequeno mas já nem quero pensar como vai ser quando for a vez dele de criar asas e voar...

 

E para  ficar ainda com o coração mais apertado, o marido liga-me de manhã...Olá.. más noticias...Então?? Tive um acidente ....E ninguém se magoou?? Não, está tudo bem, foi só chapa...Bem, menos mal...se ninguém se magoou os carros é o mal menor! Principalmente porque foi com o carro da empresa!

publicado por Brisa do Mar às 13:31 | comentar | ver comentários (4) | favorito
sinto-me:
13
Ago 09

Dilema

Se eu não gosto da c@bra da mulher do meu cunhado porque tenho que a gramar em minha casa no domingo na sardinhada que vou oferecer?! O marido quer convidar o irmão , ok é razoável eu também convidei a minha irmã ,mas será muito mau dizer-lhe só tu e o teu filho?! A p#&@  que fique em casa!! É que é daquele tipo de fulana que chega, enche o bandulho, e sai de mansinho... .

 

Se não existe nenhum tipo de afinidade entre nós e da minha parte nem lhe posso olhar para as fuças, ter que a ter 2 vezes no mesmo ano em minha casa é o fim do mundo! bem, contando bem já são 3 : Páscoa, aniversário do meu puto e agora...É dose...

 

Raios que me partam mais á familia que me saiu na rifa por parte do marido............................!

publicado por Brisa do Mar às 15:08 | comentar | favorito
sinto-me: irritada