................

Do fim de semana há a dizer que foi bom e foi mau.

Sábado foi um bom dia, caseiro, com direito a jardinagem e actividades ao ar livre, passou-se num instante.

Domingo já foi pior... a criança acordou ainda nem eram 8 da manhã, (como é habitual), ficámos por casa o resto do dia pois o tempo não estava para passeios.

Depois do almoço tentei que fosse fazer a sesta pois tinha acordado muito cedo, e nada, uma resistência em dormir, um desafiar constante, uma carga de nervos para  mim, mas por fim lá adormeceu. Quando acordou ainda estava pior.... Só quer fazer o que lhe apetece, as birras e choro são constantes, e eu acabo por me passar e depois ficar cheia de remorsos pela palmada no rabo,  e dou por mim a pensar onde errei na educação dele...Eu sei que os filhos têm que ter regras, limites, mas sempre que o castigo ou lhe ralho por algum motivo , o sentimento de culpa apodera-se de mim, e acabo muitas vezes angustiada,  se ele chora , dói-me muito mais a mim...Às vezes falham-me as forças. O pai tem estado fora do país, o que também leva a que eu ceda nalguns caprichos dele, pois sei que sente muito a falta do pai, e que muitas vezes fica triste e começa a chamar pelo pai, e se chora por não o deixar fazer isto ou aquilo, sai logo um "quero o pai"...Mas para mim também não é fácil, ter que ser pai e mãe, manter-me firme e não ceder, saber se a forma como o faço é a mais correcta...

Mas depois ele acalma-se , tem a perfeita noção que fez asneira, pede desculpas com o seu jeitinho doce, e eu ainda me arrependo mais de ser dura com ele.Dizem-me que tem mimo a mais, e é verdade, que tem atenção a mais, também é verdade, mas então que fazer ??Que é da idade, então apartir de que idade vai melhorar ??? Eu adoro o meu filho, mas ele podia vir com livro de instruções....

 

publicado por Brisa do Mar às 14:34 | comentar | favorito
tags: ,
sinto-me: